You Are Here: Home » Afetividades » 7 sinais de que seu relacionamento não tem futuro

7 sinais de que seu relacionamento não tem futuro

No início dos relacionamentos quase todo mundo está disposto a ceder em troca de momentos felizes e apaixonantes com a pessoa amada. Mas, com o tempo, convívio e a rotina, as arestas tendem a aparecer e as diferenças entre as pessoas se tornam mais evidentes, causando muitas brigas e confusões. Então, como saber se a sua vida a dois tem futuro? Será que o melhor caminho é abandonar o barco em mar revolto ou tentar lutar contra uma maré de provações até ancorar em uma praia bonita e ensolarada? Eu sei que não existem fórmulas e receitas para uma vida a dois saudável. Mas, se você se atentar aos sinais abaixo, poderá perceber se ao lado de sua(eu) companheira(o) você terá longa vida juntos ou o envolvimento entre vocês está com prazo de validade vencido.

1. Só você se dedica no relacionamento para dar certo?

Relacionamentos sadios precisam de uma entrega mútua. Ambos precisam dar e receber. Algumas vezes, a troca não acontece em um mesmo momento, alguém pode correr mais atrás do que o outro, mas lá na frente as coisas compensam. Agora, se grande parte da vida a dois você passou se esforçando para as coisas acontecerem e não recebeu nada em troca, pense bem se quer viver o resto da vida assim.

2. O outro não aceita quem você é?

Imagem ilustrativa do google

Imagem ilustrativa do google

Todo mundo tem características positivas e negativas. Uma boa companheira não precisa ser igual a você em gostos e personalidade para aceitar todas as suas falhas, sem te julgar. Se ela sempre tenta mudar o seu jeito de ser, quer afastá-lo das pessoas que você gosta ou tentar moldar em você algo que não é e nunca foi, é melhor não seguir em frente. Faça você também um exame de consciência e pergunte a si mesmo: se você odeia muitas coisas que sua parceira faz ou não consegue entrar em acordo, porque continuar juntos? Uma pessoa que não é capaz de aceitar o outro sua essência, nunca ficará satisfeita em compartilhar uma vida juntos.    

3. Ela não atende as suas necessidades?

É preciso conversar e entender quais são as reais necessidades de cada um dentro do relacionamento. Depois, precisa ver se o outro é capaz de atender a elas. Quer alguns exemplos: você sente necessidade de ter mais liberdade para tocar sua vida, sair com seus amigos sem ter sua companheira do seu lado sempre? Ela é insistentemente pegajosa e exige que você fale com ela de hora em hora? Se a outra pessoa concorda em manter a vida assim, sem problemas. É importante que a outra parte atenda às suas necessidades, como você deve atender as necessidades dela. Acima de tudo, em um envolvimento sadio, a outra parte tem que ser capaz de animá-lo após um dia difícil, fornecendo amor, apoio e respeito. Se ela ou você podem dar estas coisas dentro do relacionamento, ele vai se deteriorar.

4. Você não consegue confiar no outro?

Uma das bases de uma relação sólida é a confiança. Você precisa ter isto acertado para poder se dedicar a vida a dois de forma completa. Se rolou algum vacilo durante o envolvimento por parte dela, ou você perdoa e deixa de canto o problema ou separa de vez. A pior decisão que você pode fazer é escolher ficar ao lado da pessoa quando você não confiar nela. Se você sente necessidade de fiscalizar o celular do outro constantemente; sempre que encontra uma brecha vasculha a rede social dela tentando descobrir alguma coisa que ela te escondeu, você não vive uma relação saudável.

5. Você não suporta o outro quando os problemas aparecem?

Relacionamentos são construídos a base de intimidade, cumplicidade, momentos felicidade. Mas, uma vida a dois também exige conviver com estresse, mau humor e dificuldades. É completamente natural querer sua companheira ao lado quando estão felizes e relaxados, mas você se sente da mesma maneira quando está com problemas? Os grandes alicerces de um relacionamento são edificados em tempos difíceis, e querer sair fora dele quando as crises aparecem é sinal de que a coisa não vai seguir adiante.

6. Mentalmente vocês não estão no mesmo lugar?

Você está pronto para casar e sua companheira quer largar tudo e sair andando sozinha pelo mundo? Acha que é o momento perfeito para terem filhos e ela nunca quis ser mãe? Depois de algum tempo juntos, é natural sentar para conversar de expectativas e fazer planos para o tempo futuro. Se vocês têm interesses totalmente diferentes, e ninguém quer abrir mão, o mais sensato é deixar o outro a par das suas decisões e dar a liberdade para que sua companheira seja feliz como ela quer.

7. Você não vê potencial de longo prazo?

Um relacionamento exige muito esforço e dedicação, por isso é importante se certificar de que você está colocando muito trabalho em algo que realmente pode durar. Você não precisa querer casar e ter filhos com sua parceira, mas você deve ser capaz de imaginar um futuro feliz ao lado dela. Se isto é uma incógnita na sua cabeça, talvez seja a grande razão para não seguir em frente.  

Com informações de Leonardo Filomeno (Manual do Homem Moderno) do Msn

Print Friendly

Autor

Poeta, Filósofo, Político. Pós graduado em Administração Pública e Gestão Pública. Ex-Funcionário do BB, Ex-Vereador e atualmente Servidor Público. Gerente da Agência do Trabalhador [SINE] da SEJU/MTE do Governo do Estado do Paraná, na Cidade de Mandaguaçu.

Number of Entries : 220

Comente

© 2013-2017 Site hospedado por:

Copy Protected by Chetans WP-Copyprotect.
Ir ao Topo